15 maio 2016

Maragogi Município em Alagoas - Nordeste/Brasil


Quando ir a Maragogi

Maragogi é um destino de praias; portanto, a viagem fica ainda melhor se for feita em dias de tempo aberto. O verão é a estação em que a cidade está mais cheia e movimentada, não apenas devido ao tempo propício para fazer atividades ao ar livre, mas por ser também o período em que o mar fica com águas mais claras e cristalinas. 
Temperaturas altas são registradas durante todo o ano, sem grandes mudanças com o passar das estações. A média de temperatura anual da cidade gira em torno dos 25ºC, sendo registradas médias de 25ºC no verão e 23ºC no inverno. É constante um ventinho nessa região - o que ajuda a amenizar o calor -; não raramente, o dia começa nublado e vai ficando aberto com o passar do tempo. 
Para aproveitar a beleza de Maragogi em sua melhor forma, recomendamos viajar na época mais seca do ano, entre os meses de outubro e janeiro. No período mais chuvoso, entre abril e agosto, é comum a água do mar não estar tão transparente. Em outubro acontece o festival da lagosta e, para quem quiser comer ótimos pratos, esse período é indicado! Outra sugestão é viajar no mês de novembro, quando não há muita chuva, o mar está bonito e os preços, razoáveis. 
Na hora de programar sua viagem, é fundamental optar por uma semana de maré baixa. Curtir as praias da cidade no período em que o mar está mais baixo faz muita diferença, principalmente porque os passeios para as galés são feitos nesse período; além disso, as praias mudam completamente e ganham outra cara. Quem só vê a cidade na maré alta perde o melhor dos passeios, boa parte dos atrativos e o diferencial de ver longas faixas de areia até que se inicie o mar. 
A maré baixa ocorre na lua cheia e na lua nova, e pode ser melhor aferida através do site da Marinha do Brasil. Para identificar os períodos de maré baixa, basta procurar pelo ponto mais próximo de seu destino e, em seguida, identificar os dias em que os números da maré estão mais próximos de 0.0. Quanto mais próximo de zero estiver o mar, mais baixo estará o nível da água e melhor será para fazer passeios nessa região. A maré sobe e desce duas vezes por dia e o nível máximo de cada maré cheia ou baixa muda um pouco a cada dia, bem como seu horário de pico - confira a tábua de maré para maiores detalhes. 
Como chegar a Maragogi
Maragogi está localizada a cerca de 124km de Maceió (Alagoas) e a 130km do Recife (Pernambuco). A proximidade com as duas cidades permite aos turistas fazerem uso tanto do terminal de passageiros da capital pernambucana quanto do da capital alagoana.
Após a escolha do aeroporto de chegada, é preciso pensar em como fazer o transporte terrestre até a cidade de Maragogi. Entre os aeroportos ou capitais alagoanas e pernambucanas é possível utilizar ônibus, táxis, fazer o translado com empresas turísticas ou alugar um carro. 
Avião
Para chegar a Maragogi você conta com o Aeroporto Zumbi dos Palmares (Maceió) ou com o Aeroporto Internacional dos Guararapes (Recife). Se estiver em dúvida sobre qual aeroporto utilizar, sugerimos o do Recife, que, além de ficar mais próximo de Maragogi, tem maior infraestrutura e quantidade de voos e costuma oferecer tarifas melhores para a maior parte do país. Outro fator que conta positivamente para usar o aeroporto do Recife é que a estrada entre a capital pernambucana e Maragogi é melhor e mais sinalizada do que o trajeto por terra entre Maceió e Maragogi. 
Carro
Para quem busca conforto, autonomia e pretende circular com tranquilidade pelo litoral nordestino, alugar um carro ao chegar no aeroporto é a melhor pedida.
Entre Maceió e Maragogi, a viagem pode ser feita pelas AL-105 e AL-101, passando por cidades como Paripueira, Pedro Calvo e Japaratinga. A estrada ao longo do caminho não é bem sinalizada e tem falhas na pista; tenha cuidado ao dirigir pelo local, especialmente durante a noite.
Entre Recife e Maragogi, o trajeto costuma ser feito pela PE-060. A estrada está em boas condições e tem até alguns trechos duplicados. 
Ônibus
Tanto para quem viaja a partir de Maceió como partindo do Recife, é possível chegar de ônibus. A empresa Real Alagoas faz o trajeto Recife-Maceió e vice-versa, passando por Maragogi. Como Maragogi fica praticamente no meio do caminho entre as duas capitais, o tempo de viagem é parecido, seja partindo de Maceió ou do Recife.

Quem desembarca no aeroporto de Maceió e quer pegar um ônibus para Maragogi deve se dirigir ao terminal rodoviário da cidade. Quem desembarca no aeroporto do Recife conta com a facilidade de poder pegar o ônibus na rodoviária ou no próprio aeroporto. Os ônibus da Real passam pelo aeroporto e têm saídas às 4h15 e às 11h da Rodoviária do Recife. Outra opção a partir do Recife ou do aeroporto da cidade são os ônibus da Viação Cruzeiro, porém com destino a São José da Coroa Grande (divisa PE/AL) - saídas às 5h40, às 9h15, às 15h40 e às 18h10. 
Translado com empresas turísticas
Várias empresas especializadas em turismo fazem o trajeto entre os aeroportos de Maceió ou do Recife e Maragogi. As empresas oferecem carros privativos ou carros compartilhados, cujo valor é pago por passageiro. Essa é uma modalidade de transporte que pode valer a pena para quem busca conforto e não tem intenção de dirigir. 
Para informações mais precisas, consulte empresas como: CostazulValtur,Luck e Transtur (em nossas cotações, esta ofereceu o melhor custo-benefício).
Táxis
É comum que turistas, ao chegarem nos aeroportos de Maceió e do Recife, contratem um táxi para ir até Maragogi. Para quem não puder planejar detalhes da viagem com antecedência e viaja em um grupo de até quatro pessoas, essa pode ser uma boa opção. 
Dica: Se sua viagem não terminar em Maragogi e você planeja conhecer outras cidades ao longo do litoral nordestino, uma boa ideia é comprar sua passagem de avião com ida para um aeroporto e retorno a partir de outro aeroporto, mais próximo de seu destino final. 

O que fazer em Maragogi

Maragogi é, sobretudo, um destino para curtir o mar e relaxar. Com um litoral digno de comparações com o mar caribenho, essa região da Costa dos Corais é perfeita para quem busca um mar clarinho e calmo. O dia de quem escolhe Maragogi como destino é quase sempre dedicado ao mar ou aos passeios. O ponto mais famoso da cidade, com certeza, são suas piscinas naturais, chamadas pelos nativos de galés, que, visitadas durante a maré baixa, proporcionam um ótimo mergulho com máscara ou cilindro e permitem admirar muitos peixes.
Quem vai a Maragogi dá vez a um cenário simples, a uma cidade pequena e ao descanso. Muitas pessoas que visitam o lugar querem fugir da correria das capitais e aproveitar a atmosfera de um lugar pacato, com belas praias - uma para cada dia de viagem. O diferencial da cidade é que suas praias, quase sempre acompanhadas de coqueiros, ganham formas completamente diferentes, quando comparadas na maré cheia e na maré baixa. Em várias praias é possível caminhar vários metros mar adentro sem que o nível da água suba muito. Entre as praias que indicamos e que você não deve deixar de conhecer estão Xaréu, Ponta de Mangue e Antunes (já na divisa com Pernambuco).  
Para além do mar, vale a pena dedicar um tempo à gastronomia da região. Peixes e frutos do mar estão sempre nos cardápios dos restaurantes e contam com a vantagem de serem servidos frescos. Para provar uma criação local, a dica é ir à casa da Tia Marlene e conferir como são fabricados os bolos de goma, também conhecidos como sequilhos. Se quiser fazer um programa diferente, vá até a Fazenda Marrecas e curta o dia em meio à natureza, fazendo passeios a cavalo e tomando um banho de bica. 
Como a região da Costa dos Corais, de que Maragogi faz parte, tem várias praias bonitas, sugerimos que você não se limite apenas a uma cidade e faça passeios pela região. É possível conhecer vários lugares de carro ou fazer passeios de buggy pelas redondezas. O passeio de buggy pelo litoral, por exemplo, é uma delícia e possibilita conhecer várias praias em um único dia. Indo a Porto das Pedras, visite o Projeto Peixe-Boi - que ajuda na preservação desse curioso mamífero - e a praia do Patacho - cheia de coqueiros, onde reina a tranquilidade. Ao conhecer Japaratinga, faça uma parada para conhecer sua praia, que também não decepciona os mais exigentes. 
  • Passeio-de-buggy-em-maragogi

    Passeio de Buggy em Maragogi

     Nota: 5.0 de 10 (1)
    Fazer um passeio de buggy pelo litoral é um dos programas mais divertidos em Maragogi. Nele você terá a oportunidade de conhecer diversas praias no mesmo dia, fazer paradas para mergulho, tirar fotos da região e conhecer detalhes que, às vezes, os turistas acabam não conhecendo. O passeio de buggy é uma ótima...
  • Dicas de Maragogi

    - Maragogi fica ainda melhor se for visitada na maré baixa; por isso, confira atábua de maré antes de decidir quando viajar. Quanto mais próxima de zero estiver a indicação, mais baixo será o nível da maré e melhor será para fazer passeios; quanto mais alto o número, menos indicado para fazer passeios e mais alta a maré estará. A maré sobe e desce duas vezes por dia, mas apenas na lua cheia e na lua nova ela oscila de forma considerável - nas outras fases da lua acontece a chamada maré morta, quando a maré não sobe nem desce muito.
    - A cidade é pequena e caminha em um ritmo lento. A maior parte do comércio fecha por volta das 18h e alguns restaurantes podem não abrir aos domingos e às segundas-feiras. Esteja atento ao horário de funcionamento dos estabelecimentos que você deseja visitar e, caso viaje no período de alta temporada (férias, verão, feriados), faça reserva nos restaurantes a que pretende ir.  
    - Faz calor na cidade, mas o vento ameniza a temperatura real. Não deixe de passar protetor solar e usar chapéu/boné para se proteger do sol, pois ele pode queimar mais do que aparenta no momento de exposição. 
    - Algumas praias, como a praia de Maragogi, podem não ser indicadas para banho em alguns períodos do ano. Consulte o site do Meio Ambiente para saber como está a qualidade do mar de Alagoas e constatar se o mar está próprio para mergulho. Constantemente são feitas análises para aferir a qualidade das praias.
    - A infraestrutura da cidade ainda é pequena e as vias não estavam em boas condições durante nossa viagem. Provavelmente você passará por ruas sem calçamento ou com buracos. Não espere encontrar em Maragogi grande estrutura, enormes hotéis ou muitos restaurantes, o lugar é simples e pequeno mesmo.

    - Não vá para Maragogi planejando fazer compras, a cidade é bem fraca nesse sentido e têm poucas lojinhas. 
    Quanto tempo ficar: três dias são suficientes para fazer os principais passeios e conhecer as principais praias de Maragogi.
    Esse texto sobre Maragogi faz parte do guia de Maragogi no Melhores Destinos

 

QUER VIAJAR? Lugares e dicas Template by Ipietoon Cute Blog Design